29/09/2020

Pipetagem - Uma arte preciosa para um bom rendimento em seu laboratório!

Pipetagem - Uma arte preciosa para um bom rendimento em seu laboratório!

Uma boa pipetagem é um requisito básico para o sucesso de qualquer cientista em seu laboratório. Por melhor delineado que um experimento ou teste esteja, se não houver uma excelente pipetagem, os resultados podem ser comprometidos, acarretando gastos extras e um gerando até perda preciosa de tempo.

A escolha de uma boa micropipeta para a realização de determinado teste ou experimento é uma premissa básica para qualquer analista de laboratório.

O rigor de um método científico exige equipamentos que proprorcionem precisão, exatidão e reprodutibilidade. As micropipetas são os equipamentos melhor indicados para o manuseio de microvolumes, geralmente na faixa de 0,1uL a 10mL.

Para se ter uma noção de escala, como curiosidade, 0,1uL = 0,0001mL! Ou seja, são volumes extremamente pequenos. Daí, a necessidade da extrema acuracidade e precisão para as micropipetas. As micropipetas são disponíveis no mercado em algumas versões, e devem ser escolhidas para o melhor desempenho, de acordo com a demanda de cada laboratório.

Micropipetas de volume fixo: pipetam apenas um volume pré-determinado, como 10uL, por exemplo.

Micropipetas de volume variável: pipetam uma faixa de volume, como 100 a 1000uL, por exemplo.

As pipetas de volume variável estão disponíveis em versões monocanais, que conectam apenas uma ponteiras ou multicanais, que conectam várias ponteiras ao mesmo tempo; e são mais comumente encontradas com 8 ou 12 canais.

Micropipeta de Volume Variável Monocanal

Pipeta Monocanal


Micropipeta de Volume Variável de 8 canais

Pipeta Multicanal (8 canais)

Micropipeta de Volume Variável de 12 canais

Pipeta Multicanal (12 canais)

Também existem as Micropipetas de Volume Variável Eletrônicas, que embarcam muita tecnologia e são ainda mais precisas. Elas praticamente trabalham sozinhas, bastando ao analista de laboratório selecionar o programa desejado. Também estão disponíveis nas opções monocanal e multicanal.

O usuário deve escolher a micropipeta de forma que sua faixa de volume esteja mais próxima, ao volume a ser manuseado no teste a ser realizado. Quanto mais próxima a faixa de volume da micropipeta estiver do volume exigido no experimento de laboratório, maior será a precisão e exatidão do volume pipetado, garantindo seus resultados.

Basicamente, o mecanismo de funcionamento de uma pipeta consiste no acionamento de um pistão interno, que gera um deslocamento de ar e resulta numa aspiração ou despejo de líquidos em recipientes apropriados.

Numa micropipeta, o volume a ser manipulado é controlado de acordo com deslocamento do pistão. Logo, o segredo para o perfeito funcionamento da pipeta, que gerará os resultados mais precisos e reprodutíveis, está na calibração do movimento do pistão.

O pistão da micropipeta é geralmente acionado com o movimento do polegar do usuário. Ao pressionar o botão de acionamento, ele acionará o pistão e gerará o deslocamento de ar.

As micropipetas são equipamentos que acabam exigindo movimentos repetitivos do usuário. Logo, a escolha de equipamentos que permitam um menor esforço para acionamento de seu mecanismo, bem como tenham um excelente projeto ergonômico, é fundamental para evitar doenças por esforço repetitivo (LER). Além do risco provocar tais lesões, há também o risco de incidência de erros de pipetagem gerando resultados não confiáveis.

Para o funcionamento as micropipetas necessitam de um acessório importante, as tão famosas “ponteiras para micropipetas”!

A escolha de uma boa ponteira é tão importante quanto a de uma micropipeta. As ponteiras foram desenvolvidas para atender às faixas de volumes das pipetas automáticas.

As ponteiras para pipetas são fabricadas em plástico polipropileno inertes, geralmente em salas limpas e sem o contato humano, o que lhes proporcionam uma série de características muito importantes como:

Ponteiras livre de DNAse e RNAse, DNA Humanos, pirogênios, atóxicas.

Essas características são fundamentais para aplicações em laboratórios de biologia molecular, laboratórios de microbiologia, laboratórios de imunologia, laboratórios farmacêuticos, laboratório de qualidade da água, entre outros.

A Neobio tem uma grande expertise em micropipetas. Comercializamos as micropipetas da Sartorius. Contamos com um serviço próprio de calibração rastreável RBC e manutenção de micropipetas para melhor atendimento.

Clique aqui para entrar em contato conosco


Por: Guilherme Ramanzini

neobio.com.br
(14)3880-5999
(14) 99663-1749